oncontextmenu='return false'>

domingo, 28 de agosto de 2011

Brazilian Day Em Stockholm

Ontem foi o Brazilian Day em  Kungsträdgarden  Stockholm, claro que seria melhor se fosse em 7 de Setembro é lógico mas a comemoração foi antecipada e o porquê eu não sei, o importante é que o meu país foi lembrado na terra do gelo e estávamos lá  pra comemorar com direito a feijoada e tudo  ( a feijoka estava assim bem genérica  faltando vários ingredientes) só deu pra enganar o estômago , fazer o que!
A programação começou por volta de meio dia, com alguns quiosques de comida brasileira e musica o dia inteiro, participação de várias bandas e apresentação de capoeira que eu gostei bastante, não estava lotado, mas o publico que foi prestigiar estava bem animado, na verdade eu esperava que estivesse mais cheio, porque anteriormente já vi algumas reportagens sobre o Brazilian Day em outros países pela TV e sempre fervia de gente mas aqui não foi assim não.
Mas o que mais me deixou mais feliz nesse dia foi que tive a oportunidade de conhecer pessoalmente a Michelle do blog swedish life backup, e pra vocês entenderem direitinho vou contar como tudo começou....
Eu e Michelle sempre trocávamos comentários em nossos blogs, depois começamos a conversar via tel. e msn, avisei a ela sobre o evento, nós combinamos de nos encontrar e foi quando finalmente ontem tivemos a oportunidade de nos conhecer e fofocar muitooo e ainda pra ajudar até os maridos suecos entram na dança rsrs, e pra complementar o dia através da Michelle conheci a Maíra outra brasileira que se mudou há pouco tempo pra Suécia também, ela tbm tem um blog esse AQUI.
Isso é pra provar que a blogsfera não é tão inútil como muitos dizem e a internet é uma faca de dois legumes que eu sempre cortei para o lado do bem, afinal se conheci o namorido através da net, por que não fazer amizade por meio da blogsfera não é gente?
O dia estava lindo, combinado com musica e comida brasileira conheci Michelle e Marcus, e quebrei mais uma barreira virtual na minha vida, resumindo:
Final de semana maravilhoso!






terça-feira, 23 de agosto de 2011

O SFI e EU

Finalmente comecei a estudar, nunca pensei que um dia pudesse estar aprendendo sueco, apesar de gostar de aprender idiomas o meu plano era aprender Frances numa escolinha particular assim bem light tipo 2 horas por semana, como quando eu estudava italiano era uma terapia só pra falar outra língua além do inglês, uma coisa sem compromisso pra não deixar o cerebelo parado, mas... Os planos mudaram da água pra o vinho.
Agora eu sou obrigada a aprender sueco, uma língua que não faz a minha cabeça, não é porque  que o amor da minha vida fala esse idioma que vou passar a achar o máximo, eu não acho essa língua nem um pouquinho bonitinha então é onde começa a lei da atração, eu não gosto do idioma, aí falo errado, ai cansada de falar errado já não quero aprender mais porcaria nenhuma e o negocio só vai só me deixando mais nervosa com aquela sensação que daqui a 10 anos eu ainda vou estar com o dicionário de sueco embaixo do braço e falando como se tivesse com um ovo na boca.
Na primeira semana que cheguei já fomos fazer minha matricula na escola, a atendente foi simpática falava comigo em inglês assim bem devagarzinho sabe, pra eu entender muito bem tudo que ela estava explicando, bemmmmm explicadinho (vai ver que eu já to com cara de desentendida e não estou sabendo) ela não me aplicou nenhum teste e disse que eu começaria o sueco no nível B, detalhes de todas as pessoas que estão aqui que eu as conheço começaram pelo nível C que é um nível mais elevado que esse, e creio que se tivesse o nível Z ela me colocaria nele, mas tudo bem o importante é aprende a língua e outra eu não estou em nenhuma competição de idioma nórdico.
A escola tem uma boa estrutura, 80% da classe são de pessoas vindas de países árabes, eu, um australiano e um italiano que fala português super bem por sinal, já tem uma panelinha formada, pois muitos deles já estudaram juntos nos níveis anteriores, e a outra parte que esta começando assim como eu (o povo com cara de desentendido) aí fica aquela situação de nada com coisa nenhuma porque a turma não aprende junta, a maioria pelo que vi já falam algo em sueco e outros como eu estão ali, mas perdidos que cachorro em dia de mudança.
A professora é atenciosa, paciente mas não tem didática nenhuma, ela explica em sueco eu não entendo nada (bem efeito pra mim assim paro de usar o inglês como muleta) aí vou e tento tirar minhas duvidas sobre a matéria perguntando pra ela em inglês e ela vem e me responde em sueco again, pode? É de chorar né ?
A Suécia oferece essa escola gratuita para imigrantes seja imigrante por casamento, trabalho, exílio, família, alguns estudantes no inicio do curso recebem uma quantia em dinheiro do governo e tem que estudar em período integral durante toda a semana (que não foi o meu caso, não ganhei nem uma canetinha sem carga e nem faço idéia de como se faz pra receber essa grana) a iniciativa é ótima, pois em muitos países quem quiser aprender a falar o idioma que se vire, mas pra isso ficar perfeito eles podiam ter uma metodologia de ensino diferente, ahh e nem me venha com esse negocio:


Aproveita e não reclama porque é de graça!


Isso não é assim não, já que é pra fazer faça direito, pra mim um aluno dedicado e um BOM professor já formam uma escola, o governo pode dar a melhor estrutura do mundo, mas se o professor não tem o dom de ensinar e o aluno a gana de aprender já era, e lembrando que essa foi a minha visão, cada caso é um caso.
Enquanto isso eu fico por aqui queimando os meus neorônios estudando sueco, então gente caso eu desapareça do blog não se preocupem, a razão do sumiço será porque eu vou estar aqui quebrando a minha cabeça estudando em casa com meu professor particular e namorido  pra ver se mudo essa minha cara de desentendida.

segunda-feira, 15 de agosto de 2011

Mudando Alguns Hábitos

Sinceramente falando esse negocio de viagem, mudança e casamento engordam viu!
Quando se está em um lugar diferente nós queremos provar todas as iguarias, comidas típicas e no meio de cada passeio sempre têm uma PAUSA ENGORDATIVA! Ate aqui na terra da batata onde não se encontra um cardápio fantástico assim facilmente, somente algumas exceções e essas exceções estão nos restaurantes estrangeiros.
Casamento então nem se fala... É jantarzinho romântico aqui, um filminho no sofá com a companhia de uma bela pizza, uma pipoca lá, festinhas pra conhecer o povo e ai quando vamos ver aiaia... o prejuízo já está grande,e o meu ta enorme..

      OS FLAGRANTES



AQUELA PARADINHA FATAL DOS PASSEIOS ! E O CASAL QUE VAI NO IKEA COMPRAR O   TAL DO PISO E  ACABA   ENCHENDO  O BUXO DE BATATA FRITA


Nesse último inverno que passei na Suécia engordei KILOSSS que até hoje não consigo perder, porque no inverno nosso organismo acelera o metabolismo para nos mantermos aquecidos se o organismo trabalha mais conseqüentemente sentimos mais fome, e eu no meio daquela neve toda só queria dormir, a preguiça tomou conta de mim.
Eu sempre fui boa de garfo e o Ramberg também, nós gostamos de comidas diferentes e confesso que estávamos abusando um pouco e a conseqüência disso foi que no ultimo mês de abril após OBRIGAR ele ir ao medico foi diagnosticado que ele estava com diabetes tipo 2 o sweet Love tava sweet mesmo gente e foi depois disso que tudo começou a mudar no nosso cardápio. O susto foi grande, mas ele deu a volta por cima, recuperou o prejuízo fazendo caminhada e mudando a alimentação, ELIMINOU quase 10 kilos e a diabetes esta controlada graças a deus, isso sem uma dieta tão rigorosa foi só tirando os excessos do cardápio, no final a medica lhe deu os parabéns e ele ficou muito mais motivado após ver que o esforço dele valeu à pena.
Normalmente os suecos são magros, praticam exercícios físicos, cuidam bem da saúde para se ter uma idéia de como eles levam a serio a Suécia está em 4° lugar entre os países com a alimentação mais saudável domundo, nós brasileiros também praticamos bastante exercícios, mas creio que nosso cardápio diário é muito mais calórico que o deles.
Aqui em casa a comida é mais brasileira que sueca porque quem cozinha sou eu, entra alguns pratos mais pouca coisa, TENTAMOS deixar as guloseimas somente para os finais de semana, e aconselhados pelo medico dele estamos adotando também os alimentos integrais como: pão, arroz e massas, mas antes disso eu aprendi a gostar de arroz integral com a minha mãe que também já é adepta há um bom tempo, ela já secou bastante a barriga  [e ficou toda assanhada] com a troca do arroz normal pelo integral, ele vai muito alem de secar barriga o alimento integral tem outros vários benefícios também, vejam só:

BENEFICIOS DO ARROZ INTEGRAL

  • A quantidade de carboidrato é a mesma, só que o integral tem mais fibras
  •  O arroz integral é rico em fibras, proteínas, minerais e vitaminas do complexo B e a única diferença aparente é uma casca fininha e a cor mais escura o arroz integral tem grãos intactos e com isso consegue preservar a película e o gérmen que é aonde encontramos a maior concentração de nutrientes.

  •   Sendo rico em fibras é uma ótima dica para quem deseja emagrecer, pois elas demoram mais tempo para serem digeridas e dá sensação de saciedade “limpa" o trato digestivo, eliminando as gorduras e facilitando no bom funcionamento do intestino.

  • Controle do diabete à redução da gordura abdominal
  •  Diminui os problemas intestinais como a constipação

  •    Melhora o metabolismo da glicose nos diabéticos

  •    Protege o sistema nervoso, devido à vitamina B1

  •     Melhora o metabolismo da contração muscular, é isento de glúten

  •   Os alimentos integrais são excelentes também para acelerar o nosso metabolismo (energia que gastamos para viver sem contar nenhuma atividade diária como andar, comer, trabalhar etc.). Com isso o corpo gasta mais energia ajudando no emagrecimento.

O arroz integral tem quase o mesmo sabor do arroz normal, só é mais durinho e chatinho pra cozinhar, fora isso o gosto é o mesmo. O espaguete integral é muito melhor que o normal, mais soltinho e não tem aquela cor anêmica da pasta normal, o cozimento é mesmo deixo 9 min. e fica al dente.

 

  O arroz integral e o espaghete que encontrei por aqui, creio que se encontra facilmente em qualquer supermercado 
sueco.



Pessoal não tenham medo de provar eu tempero com alho e cebola e fica uma delicia, vai a receita pra vocês.

RECEITA ARROZ INTEGRAl

Ingredientes:
1 xícara (chá) de arroz integral, 4 xícaras (chá) de água, 1 colher de sopa de óleo
O tempero pode ser o mesmo do arroz normal, ou então:
1/4 de
cebola picada, ou 1 dente de alho
Sal a
gosto

Modo de fazer:
Coloque o arroz em um escorredor e lave-o sob água corrente. Em uma panela média coloque a água, o arroz e a cebola ou alho picados e o sal a gosto.
Leve ao fogo alto e espere ferver, então abaixe o fogo e deixe o arroz
cozinhar por 30 minutos ou até que fique macio e soltinho. Retire do fogo e sirva em seguida.

AHHH ESSE INFERNO NÃO VAI ME TOMBAR DE NOVO! NÃO MESMOOOOO

quinta-feira, 11 de agosto de 2011

Meu Mais Novo Favorito Parque - Hagaparken

Hagaparken é situado no norte de Stockholmo, sinceramente o parque mais bonito que estive em toda minha vida a beleza do lugar me conquistou com seus bosques, lagos e jardins têm estilo inglês e foi fundado no ano 1700, com seu lindo palácio que infelizmente não tem acesso ao publico, mas mesmo assim dá pra ficar imaginando como deve ser lá dentro [dizem que é a residência da princesa Victoria]


Fjärilshuset é uma das atrações do parque é a casa das borboletas, andar de estufa em estufa, sentir a mudança de temperatura e ver as borboletinhas voando foi incrível, tentaram criar um clima mais próximo possível do tropical tem algumas aves, aquários com peixes lindos, na frente tem algumas tendas super aconchegantes onde se pode fazer à famosa fika sueca. 







Koppartälten a tenda de cobre onde dentro tem um pequeno museu onde se mostra todo o processo de construção do palácio e como foi à vida do rei Gustavo III quando passou sua infância dentro desse castelo e lógico também tem mais um lugarzinho para um café.





Ekotemplet foi construído como uma sala de jantar da família real durante os dias de verão, imagina que chique ! Nesse dia estavam realizando um casamento lá, e agora por incrivel que pareça as noivas me rondam, é o segundo lugar que visitamos que tem uma noiva  no meio do caminho.
Será isso um sinal???


Nós não caminhamos pelo parque inteiro porque não deu tempo, mas caso você esteja passeando por Estockolmo eu indico o hagaparken, tinha gente fazendo piquenique, correndo, andando de bicicleta e outros assim como nós apreciando a beleza e a cultura do lugar, lá é o verdadeiro BBB, bom, bonito e barato, amei!

segunda-feira, 8 de agosto de 2011

O Niver Da Cunhada

Neste ultimo sábado foi o aniversário da minha cunhada, fora o meu esse foi o segundo aniversário que participei aqui na Suécia, estou curiosa pra ver como são as comemorações fora da família dele pra saber se o modo que comemoram é o mesmo e quais são as comidas que eles servem e se tem uma musiquinha ambiente também.

Normalmente eles fazem um café, chá com mel, bolo kanelbullar , kola kakor (ambos feitos com canela)prinsesstårta (um bolo com uma cobertura verde, o bolo da princesa) eles ajudam levando um prato de alguma coisa eu sinto falta do salgado é muito doce e café pra minha cabeça, na família dele o presente é escolhido por todos é feita uma vaquinha pra que o valor seja maior e o presente melhor.Foi bom nós conversamos e comemoramos o aniversário da minha cunhada Sara que sempre foi show de bola comigo, aliás, as duas são mas essa em especial é a queridinha do meu namorido ele tem um amor incondicional por essa irmã.




Essa foi à primeira vez desde que voltei que encontrei a família toda reunida e quando eles se reúnem tem sempre duas gerações da família, os primos com os filhos, os tios, eles são bem unidos, peguei minha sobrinha Matilda no colo depois de cinco meses e ela parece uma boneca de louça de tão linda.


Na hora dos parabéns foi muito engraçado porque fiquei olhando pra cara deles cantando totalmente perdida [como em varias outras ocasiões também] tenho que treinar a musiquinha porque na próxima semana temos outro niver e vou fazer de conta que já sei cantar, falando só a primeira frase já ta bom.
O parabéns pra você em sueco está aqui abaixo, eles cantam a musiquinha sem bater palmas, imagina pra um brasileiro cantar o parabéns pra você sem bater palmas acho que é só amarrando as mãos né? É tão automático para nós eles só batem uma palminha no final e já ta bom, enfim cada cultura com os seus costumes.
Essa foi a melhor tradução que encontrei em português, a musica é engraçadinha, mas particularmente acho nosso parabéns verde e amarelo um dos mais bonitos do mundo.


Ja må hon leva
Ja, må hon leva!
ja, må hon leva!
ja, må hon leva uti hundrade år!
javisst ska hon leva!
javisst ska hon leva!
javisst ska hon leva uti hundrade år!
och när hon har levat!
och när hon har levat!
och när hon har levat uti hundrade år!
ja, då ska hon leva!
ja, då ska hon leva!
ja, då ska hon leva uti hundrade år!

Tradução 

Sim Feliz Aniversário
Sim, Feliz Aniversário!
Então, feliz aniversario!
sim, deixá-la viver até cem anos!
sim, ela vai viver!
sim, ela vai viver!
sim, ela viverá até cem anos!
e quando ela viveu!
e quando ela viveu!
e quando ela viveu até cem anos!
bem, Ela deve viver!
bem,  Ela deve viver!
bem,  ela vai viver até cem anos!

quarta-feira, 3 de agosto de 2011

Fjällnora

Fjällnora é um parque localizado em Uppsala, foi um dos meus primeiros banhos de sol por aqui como se pode imaginar tinha muita gente tirando o bolor da pele após o rigoroso inverno daqui, tem um lago que dá pra andar de pedalinho, caiaques e as pessoas nadam ali feliz da vida como se estivessem no caribe, como onde eu morava não é muito comum esse foi meu primeiro piquenique, pé na grama [porque aqui se pode tanto pisar quanto sentar na grama, e até comer grama se quiser, não tem aquela plaquinha chata dizendo NÃO PISE NA GRAMA]

Compramos um lanche no caminho porque a Suécia é um país que não tem o tal do ´O tio`

Não tem o tio do pastel, nem o tio da pipoca, nem o tio do algodão doce, churrasquinho e outras farofas mais, aqui é o país do faça você mesmo, cada um traz o seu sanduiche ou marmitinha, fazer isso aqui na Europa é comum, se eu fizesse isso na praia da minha cidade em Santos seria chamada estupidamente de farofeira, independente se tenho dinheiro ou não para comprar algo para comer na praia. 


Confesso que a principio não me senti muito a vontade, a Renata que pegava sua cadeirinha colocava a canga e as famosas havaianas e bóra praia não estava mais ali, deve ser porque foi à primeira vez, tenho essas de ficar tímida no início. Tinha muita gente de biquíni outras não, mas como ali não era a minha praia lago fiquei do jeitinho  que estava , o pessoal chegava vestido enrolava a toalha no corpo e trocava de roupa ali mesmo, tava só vendo a hora de ver alguma toalha caindo, mas pelo jeito eles são experts nisso não teve nenhum acidente do tipo.


Lá mesmo tem praia de nudismo onde lógico só entra quem é fã do esporte, é mais reservado não tivemos acesso, e no meio da floresta se pode fechar um grupo de pessoas e fazer trilhas, animaizinhos fofos e churrasqueiras caso quiser preparar seu próprio churrasco, mesmo achando diferente gostei bastante, o ambiente é tranqüilo, cada um na sua tomando seu esperado solzinho, lendo seu livro sem se preocupar com nada.






segunda-feira, 1 de agosto de 2011

Faltou o enxoval

Normalmente quando se casa ou junta os trapinhos em casos normais existe a preparação de um enxoval, onde ambos escolhem as coisas juntos para que a casa tenha a cara dos dois, e no meu caso não foi assim, quando morei aqui ano passado antes de mudar definitivamente eu sentia que aqui era a casa dele , não sentia o tal do lar doce lar, nessa casa não havia um prato escolhido por mim até então nada tinha a minha energia aqui mesmo ele fazendo o possível pra que eu me sentisse na minha casa.
Lembro que os eletrodomésticos estavam em complô contra mim, era impressionante como nada funcionava na minha mão, maquina de lavar louça nunca tinha ligado uma na minha vida, o controle remoto das luzes davam risada da minha cara, esquecia que a água da torneira aqui é potável e sempre procurava um filtro, agendar horário na lavanderia do prédio que isso? Aqui tem uns  produtinhos de limpeza fracotes justo pra mim que já adoro um cloro e um removedor mas com o tempo fui aprendendo e  eu e as maquinas viramos amigas.
Em situações como a minha e de muitas outras mulheres onde o tal do Love mora em outro país se de por contente caso consiga colocar tudo que você não pode viver sem em duas malas, não tem chá de panela e nem comprinhas juntos pra escolher a cortina, e nem longas discussões sobre qual será a cor do sofá. Deus como senti falta disso na minha vidinha de Amélia, pode parecer piegas  me desculpem as feministas mas no fundo acho que toda mulher tem esse sonho de ter sua casa decoradinha, independente de estar casando ou não, acho que o lar tem  que ser o nosso templo. Isso já rendeu muitas conversas entre nós afinal estamos passando do MEU para o NOSSO.
Vivendo em um país onde se tem uma loja IKEA e a TV mostra sei lá quantos muitos programas de decoração por dia, o sueco tem um estilo e um bom gosto incrível para decoração e eu como sempre adorei reformas e tudo bem organizadinho não consigo resistir a tudo isso gente, tem horas que quero jogar todos os móveis dele pela janela e começar tudo de novo eu e ele do zero. Ele tem tralha aqui que dava pra abrir um brechó, tem coisa da avó, de quando  ele era criança, e pra fazer a pessoa se desfazer  tem que ter muita psicologia, hipnose e sei lá mais o que , os cacarecos tem um valor sentimental pra ele a sorte é que a maioria dos aptos aqui tem um depósito  que fica no andar térreo dos prédios é um quadradinho que cabe muita coisa e o do Ramberg é um dos mais cheios.
Tenho certeza que ele quer se desfazer de tudo, mas o apego deixa?Mesmo ele estando super animado com a reforma que estamos começando aqui  mas jogar as tralhas é sempre amanhã, depois e assim vai...grande parte já foi mas ainda falta muito.
Mas a bunita aqui desapegar do seu mundo verde amarelo pode né?
Estamos começando por partes e devagar, fiz umas mudanças na sala só pra provar como um toque feminino com bastante amor faz uma grande diferença numa casa.

 Antes





estava meio tristinho, e o vicking era meio vampiro a luz da sala era só dos abajures




Adoro sofá  preto é elegante até concordo, mas em exagero pesa um pouco e carrega o ambiente, tem que quebrar de alguma forma.






Depois

Aproveitando o verão escolhi o vermelho e o branco cores quentes que deram a vida que estava faltando no ambiente, a manta também deu um toque bem charmoso, cansou da cor ou mudou a estação é só mudar a capa das almofadas e trocar a manta.





E finalmente a luz nessa casa...Apesar do abajur ser grande o preto deixou com um ar mais discreto.


















A inspiração



 

                        E vem muito mais por aí, me aguardem 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...